navegar pelo menu
24.3.18

como e onde doar cabelos

doação-hospital-dom-pedro-II-IMIP

Fazia muito tempo que eu queria doar meu cabelo por dois motivos: 1) sempre quis raspar minha cabeça; 2) eu não queria desperdiçar o que poderia ser usado para deixar alguém minimamente feliz. Procurei muito por essa internet de meu deus quais os procedimentos e só o que achei foi um número. Então, vim hoje para ajudar quem pensa em fazer isso em algum momento.

O primeiro passo foi cortar o cabelo. Geralmente acontece todo ano (pelo menos no Recife) um mutirão que oferece cortes de cabelo em troca desse cabelo para fazer as perucas, mas o último que teve por aqui foi em abril. Eu não queria esperar tanto tempo. Decidi ligar para a Rede Feminina* e a mulher que me atendeu disse que estavam sem profissionais que confeccionam perucas e que eu guardasse os fios em local seco para quando eles estivessem aceitando, mas, se eu quisesse, poderia levar para o IMIP, sem problemas.

Decidi que seria dessa maneira e disse ao meu namorado. Dois dias depois ele me chegou em casa com uma máquina de raspar a cabeça. Risos. Amo esse homem! Alguns lugares têm alguém que corta o cabelo lá, você tem que ver com a sua região, no meu caso tinha mas resolvi fazer em casa mesmo porque eram em dias fixos e eu só poderia ir quando desse e não quando a cabeleireira estivesse lá.

Passo a passo de como cortar o cabelo para doar:

passo a passo de como cortar o cabelo para doar

   1-Lave o cabelo e pentei-o. Ele precisa estar limpo e seco para ser levado;
   2-Divida em duas mechas (ou mais, depende de quanto cabelo você tem) e prenda com chuchinhas        bem firmes para não soltar os fios;
   3-Corte! Assim foi como ficou o meu mas depois tirei tudo haha

Em uma dessas pesquisadas eu vi que era necessário ter no mínimo 10 a 20 centímetros. Depende da região. 



Guardei os fios por quase uma semana dentro de um saquinho plástico até podermos ir ao IMIP. Ao chegar lá, perguntamos logo na entrada para onde levava cabelos para doação. A moça da recepção ensinou o caminho (o hospital é bem grande, nem acreditei) e fomos. Fomos até a Fundação Alice Figueira, que fica dentro do Hospital Dom Pedro II (que fica no mesmo lugar), sempre perguntando aos funcionários que encontrávamos no caminho, falei com uma moça de lá, assinei meu nome completo em um caderno junto com quantidade de mechas e pronto!

Fácil, sim ou claro? Não tem porque não fazer!

doação-hospital-dom-pedro-II-IMIP

Um corredor do hospital. A arquitetura de lá é simples mas tão grande que a gente fica embasbacada.

doação-hospital-dom-pedro-II-IMIP-fundação-alice-figueira

A Fundação Alice Figueira é bem fácil de encontrar, tem essa "placa" na frente.

doação-hospital-dom-pedro-II-IMIP

Área do hospital que achei muito bonita. É um local de lazer para os pacientes. 

Olhando assim nem parece um hospital, né? A primeira foto do post também é do hospital, é a "cara" dele. Parece ou não a porta de um museu? Fiquei sabendo no dia, além da existência dele, de que ele existe desde 1861, depois de passar por trancos de barrancos, está lá firme e forte. Quem projetou ele foi o engenheiro José Memede Alves Ferreira, o mesmo também é responsável pelo projeto da Casa da Cultura, entre outros prédios famosos por aqui.
x
Como esse é um post sobre a doação dos cabelos, vou parar por aqui haha Encontrei muita coisa interessante sobre os prédios mas num outro momento falo mais sobre eles, com direito a mais fotos e tudo.

Espero que tenha gostado e me diz aí se já doou cabelo, sangue, medula, etc ou se tem vontade. De onde você é? Se não é daqui, quais as diferenças da sua região?

*Número da Rede Feminina que liguei: 3217.8236
edit: cabelos com química e até tingidos são aceitos na doação <3

13 comentários:

  1. ETAAA MUNDO, SEGURA ESSA <3
    Mulher, quê isso, tu ficou linda demais. Um mulherão desses, bicho, como diz minhas amigas. Eu nunca pensei em raspar a minha cabeça porque sinceramente, não me sinto bem com o cabelo mais curto do que o que ele se encontra agora. Todavia você ficou muito linda, moça. E achei mais linda ainda essa sua atitude. Por mais pessoas de bom coração e senso no mundo como você, amém ♥

    www.memorizeis.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AAAAAA
      Muito obrigada, eu realmente tô me sentindo muito linda, não nego ahsuahsua entendo que não se sinta bem, mas até um segundo antes de cortar eu fiquei com medo então se eu fosse você me daria uma chance também haha obrigada pelo carinho, era uma vontade antiga e indico super <3

      Excluir
  2. ahh que coisa mais linda ♥ e que fotos incríveis!!
    eu não cheguei a raspar, mas cortei o cabelo bemmm curtinho em junho do ano passado. também doei, mas foi direto no salão mesmo. fui lá, cortei e eles levaram pro instituto daqui da cidade que faz esse tipo de trabalho, de confecção de perucas.
    foi uma das decisões mais maravilhosas que tomei na vida. eu sempre fui muito apegada ao meu cabelo, alisei durante anosss, passei pela transição capilar, esperei crescer e PAAAA cortei tudinho. foi um desafio, sabe? me sentir bonita mesmo sem ter o cabelo para me apoiar. faz a gente ficar mais forte ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, adorei conhecer alguém que também já doou haha
      E, siiim, se sentir bonita sem cabelo é avassalador, eu tô sentindo como se só agora eu descobrisse quem eu sou mesmo, de verdade, sabe? Eu amei e você teve muita coragem, que orgulhinho :3

      Excluir
  3. Ah, arrasa muito mesmo 💗 Atitude mais linda!

    ResponderExcluir
  4. Que gesto lindo o seu! <3 Eu vou cortar as partes alisadas do meu no fim do ano e queria muito poder doar, mas acho que não aceitam cabelo com química, né? Vou pesquisar por aí, porque como você disse, não existe motivo para não doar algo que não vai nos fazer falta mas pode ser muito importante para outro alguém.

    E você ficou lindíssima de cabelo curtinho <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mulher, eles aceitaam siiiiim, é só amarrar e cortar, só vai <3
      Obrigada pelo carinho e eu tô me amando muito quase sem cabelo haha

      Excluir
  5. Acho muito lindo a coragem de tirar de ti para dar ao próximo que precisa tanto quanto você. Parabéns pela maturidade, coragem e pela falta de egoísmo que o mundo está tão cheio hoje. Já apoiei com o Blog do Deivy uma causa de doação de cabelo para crianças com câncer, mas infelizmente a publicação sumiu do ar.

    Beijooos do Deivy!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, muito obrigada pelo carinho. Você pode tentar doar de você mesmo, rapaix. É ótimo e sem burocracia, super indico <3

      Excluir
  6. Oi, Bruna! Tudo bem?
    Você me visitou outro dia e hoje vim aqui visitar o seu cantinho! Foi uma felicidade imensa dar de cara com esse post porque me identifiquei bastante, já que doei cabelo ano passado! Foi uma coisa que eu sempre quis fazer também, mas confesso que sofri depois... eu não raspei como você, o cabelo ficou na altura do ombro, mas mesmo assim eu, que sempre estive acostumada com cabelão, senti muita falta do meu cabelo! Cada pessoa é de um jeito, né... ainda bem que ele cresce como mato e agora, um ano depois de ter doado, ele já tá do jeitinho que eu gosto.
    Fiquei imaginando: se eu nem perdi o cabelo já to assim, imagina uma mulher que perdeu tudo... por isso não me arrependo e doaria novamente. Estou planejando pro ano que vem, mas dessa vez um pouquinho menos (ano passado foram mais de 30 cm, acho que da próxima serão 15 ou 20!).

    Ah, e você linda! Parabéns pelo gesto e pelo sorrisão <3
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lu, seja bem vinda!!!
      Mulher, eu sempre tive vontade de raspar a cabeça, então já dá para ver por aí que eu não ligo muito para cabelo, né? haha Que bom que o seu já cresceu e você já está feliz com ele. Realmente a dor de alguém que tem o cabelo tirado de si deve ser horrível, nem posso imaginar tanta tristeza...
      Doa sim, migs, de um jeito que você também se sinta bem é melhor ainda não é mesmo?

      Obrigada pelo carinho e volte sempre <3

      Excluir
  7. Aaaaaa, que linda <3
    Queria demais cortar o meu pra doar, mas meus pais são super conservadores e não deixam eu tirar nem três dedos da juba :(
    Ainda na luta pra seguir o mesmo caminho que o seu <3

    ResponderExcluir

Oi, obrigada por vir e volte mais vezes ♥

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial