navegar pelo menu
26.2.18

As coisas que eu mais amo em mim

foto menina feliz na cama elástica

Quando vi esse tema no grupo para blogagem coletiva de fevereiro, pensei mesmo que seria bem fácil de escrever, mas foi parar um pouco para pensar no que eu faria que me deu dor de cabeça, falta de sono, aquela crise pequena que a gente já sabe que pode acontecer mas que a gente nunca espera que ela apareça.

Percebi que a gente ~ eu ~ sempre acha que já está ótima na desconstrução, que já não liga para o que está acontecendo ao redor, que já somos seres evoluídos, longe dos pesos humanos... Quão enganada, né, minha filha? 

Quanto mais eu pensava no que eu mais amava em mim, mais encontrava defeitos, mais pensava nas coisas que não fiz ainda, nas coisas que não faço, na pessoa que eu não sou. Mas quando foi que saiu a lista de afazeres que todos os seres humanos deviam realizar em cada idade? Será que eu vim ao mundo com uma lista?

 "Lista de afazeres de Bruna ao longo da vida:

05 anos de idade - o primeiro dente tem que cair cair
10 anos de idade - tem que ter lido x quantidade de livros
12 anos de idade - tem que começar a gosta ainda mais de ler
16 anos de idade - tem que terminar o ensino médio 
17 anos de idade - tem que entrar na faculdade
21 anos de idade - tem que terminar a faculdade"

foto menina feliz na cama elástica

Ninguém recebe um tipo de lista assim. Talvez porque simplesmente cada um tem seu tempo e o tempo de cada um muda conforme o tempo passa. 

Seria impossível dizer o que cada pessoa precisa fazer e acontecer em cada momento de sua vida. Mas a gente cresce escutando o que tem que fazer, o que tem que ser feito, o que precisa acontecer... Porque se nada disso for realizado, então está tudo errado. Você é um erro no cotidiano humano altamente correto.

Risos.

O ser humano não passa de um animal que faz parte de todo ecossistema. Um animal que acha que sabe de tudo, que acha ser mais importante do que os outros animais, do que toda a vida ao redor. Do que o próprio ser humano. Ser humano.

Como produto da atualidade, que nem mesmo pede mas exige, eu não sou lá muita coisa. Na verdade eu posso até ser, mas não há muitas coisas que eu ame em mim nesse cenário. Mas como ser humano tem muitas coisas em mim que eu amo muito.

foto menina feliz na cama elástica

As coisas que eu mais amo em mim 

- Cozinho muito bem
- As pessoas se sentem à vontade em desabafar as coisas para mim (não sei porquê mas gosto)
- Sou boa observadora
- Acho que consigo passar sentimento através de palavras (será?)
- Tenho "algo" que poderia me fazer ser uma boa empreendedora 
- Sei trabalhar em grupo
- Sei fazer crochê
- Sei fazer uma pipoca doce maravilhosa 
- Me dou muito bem com crianças (também não sei porque elas gostam de mim mas eu gosto disso)
- Geralmente me dou muito bem com as pessoas de primeira
- Amo meu pé pequeno
- Amo meu cabelo cacheado que vem da parte da minha mãe que tem ascendência negra e indígena
- Amo ser uma mistura de etnias e culturas
Amo que meu sobrenome de parte de pai veio da minha bisavó e não do meu bisavô
x
Proponho a você também fazer essa reflexão. No começo a gente fica meio perdido mas depois se encontra se amando <3



15 comentários:

  1. Eu amei demais esse post, também posso fazer?
    Eu acho sim que você transmite bastante sentimentos através da escrita <3 obrigada por ter um cantinho onde as pessoas podem te ler <3
    E faça sim o projeto de visitar mais lugares, tem feito tão bem pra mim!

    Com amor, ♥ Bruna Morgan

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claroo que pode fazerr. Se fizer, me conta que eu quero veer, viu??
      Ah que carinho lindo, nem sei o que dizer, eu que agradeço por ter alguém que lê o que eu escrevo :3
      Vou mesmo, hein, precisoooo

      Excluir
  2. Que hiiino de post! Amei o tema <3
    Com certeza vc passa sentimento pelas palavras, e pelas fotos tb, gzuis!!

    Beijos!
    www.negavaidosa.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha muito obrigada, fico feliz que tenha gostado <3

      Excluir
  3. Ahhh é tão bom se olhar, observar o que temos de mais bonito e o quanto isso pode nos ajudar a ser uma pessoa melhor! Adorei, viu! ;)

    beijos!

    https://ludantasmusica.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É ótimo sim, depois que terminei o post com certeza eu estava diferente de quando comecei :3
      Obrigada pelo carinho, fico feliz que tenha gostado <3

      Excluir
  4. Gostei demais! Que bom que eu sempre visito os blogs que gosto bem devagar, abro a página, olho o título, volto pro trabalho, rolo pra baixo, vejo as fotos, volto pro trabalho, analiso o sidebar pra ver as novidades, encontro o instagram, visito e curto várias fotos que não apareceram no meu feed, volto pro trabalho kkkk E foi assim que achei essa música maravilhosa no final do post e pude então finalmente me concentrar no texto e ler com ela de fundo, simplesmente lindo e profundo.

    Quero fazer esse post também! Onde tem essas blogagens coletivas emponderadas?? :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu faço a mesmaaa coisa, do mesmo jeitinho sem tirar nem pôr hahaha
      Fico muito feliz que tenha gostado, essa música é tão lindaaa e tá numa playlist que fiz, tá convidada já, viuu
      É de um grupo no facebook chamado "Blogueiras Empoderadas", é só pedir pra entrar lá que eu aceito <3

      Excluir
  5. Eu amei o seu post, é muito incentivador. ^^
    Eu também amo meus pés pequenos, meu cabelo cacheado e fiquei babando de vontade de experimentar seus dotes culinários, principalmente a pipoca doce. hehe
    Beijos. ♥

    Diário da Lady

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaah, muito obrigada, fiz com carinho ><
      Pode chegar que eu faço pra você haha

      Excluir
  6. "Percebi que a gente ~ eu ~ sempre acha que já está ótima na desconstrução, que já não liga para o que está acontecendo ao redor, que já somos seres evoluídos, longe dos pesos humanos... Quão enganada, né, minha filha? " Me senti tão representado nessa parte viu? Bom eu sempre tive uns probleminhas com autoestima, mas acho que todo mundo tem disso em alguma parte da vida - ou em toda ela não sei, mas espero que não kkk -.

    Olha eu sei cozinhar bem também! - ou talvez mais ou menos hehe - mas se tem uma coisa que eu não consigo fazer é pipoca sério.

    AHHHH, Minha vida vegetariana começou hoje hehe, obrigado pelas dicas no comentário passado e pela força <3 Tá sendo maravilhoso em tão pouco tempo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menino, espero que não seja a vida toda mas acho que tem sim :c
      Pipoca é práticaaa, no começo a gente queima tudo ~ eu anda queimo às vezes ahsuahsu ~ mas depois a gente aprende o tempo do milho haha

      Aaah, fico muito feliz em ler isso. Se precisar ou tiver dúvida em QUALQUER COISA pode gritar que eu atendo kkkk sério, só chamar que a gente conversa sobre <3

      Excluir
  7. Ah, Bruna, que postagem bonita! Realmente, a gente sempre acha que tá toda descontruidona e quando para pra pensar... Ainda falta bastante. Gostei muito de ver o que você ama em si mesma, e acho que o que amo em mim é que eu tenho um ótimo gosto em música, amo o jeito que eu me sinto quando leio um livro bom, amo que eu goste das coisas que eu gosto e amo minha tatuagem linda. Acho que tem mais, mas por enquanto, vou compartilhar só isso, haha.

    Beijo!
    www.controversos.com

    ResponderExcluir
  8. Muito obrigada por participar da blogagem! <3 Cada um tem o seu tempo, e tatu do bem! :)
    Realmente, você passa sentimentos através de suas palavras, e se nós fossemos amigas, acho que eu contaria tudo para você, hahaha!

    Cheiro de Pipoca

    ResponderExcluir
  9. Bruna ameeei essa postagem pois é importante mesmo se voltar para dentro e enviar amor, além do quê, também temos muitas coisas em comum! E eu ameeei essas fotos no pula pula! Beijinhos

    ResponderExcluir

Oi, obrigada por vir e volte mais vezes ♥

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial