navegar pelo menu
18.1.18

O que podemos aprender com o touro ferdinando


Então, na verdade eu fui ao cinema assistir Jumanji, pois meu irmão queria e foi minha mãe que me chamou para ir. Chegamos atrasados por questão de minutos e a fila estava imensa, não iria dar tempo nem com os trailers que vêm antes, daí esperamos na fila e pagamos para ver O Touro Ferdinando. O dinheiro mais bem gasto da vida.

Chorei do começo ao fim diante dos acontecimentos na vida do Ferdinando, que acontece a todo tempo e é tão "normal" pros padrões tradicionais conservadores atuais. Digo atuais pois nem sempre foi assim, nem sempre uma vida foi tão banalizada, nem mesmo de um touro. E vim aqui dividir os aprendizados que o doce Ferdinando tem para passar.

  • Escolha não viver o que te faz mal

A gente vive escutando para gente correr atrás do que nos faz bem, do que queremos, mas nem sempre sabemos o que realmente queremos. Em contrapartida, sabemos exatamente, bem do fundo do nosso coração, o que não queremos. Geralmente ignoramos isso porque é mais fácil continuar as coisas do jeito que estão, aliás, as coisas já estão assim há tanto tempo mesmo, né? Mas é tirando as coisas ruins que podemos descobrir o que ansiamos de verdade na vida, é assim que a gente se conhece e acaba descobrindo para que estamos aqui.

  • Preste atenção nas coisas pequenas

A vida é uma correria e isso não é novidade. Até para quem "não está fazendo nada" é difícil prestar atenção, porque a mente continua trabalhando, se culpando, se pressionando, virando a atenção para o que há de negativo ao redor. Você não merece isso. Ninguém merece! Você merece a delicadeza que o mundo oferece. Preste atenção nele, ele te mostra todos os dias, é só olhar... Dê uma chance.

  • Tudo bem não se encaixar 

Todo mundo nasce inserido num cenário de vivências. Às vezes a gente se encaixa e às vezes não. Geralmente não, na verdade. A gente se culpa, se sente só, se pergunta se o problema somos nós... Não é! A normalização de algumas ações faz com que não incomode a maioria, acabamos sendo a minoria chata que não vê sentido no vangloriamento do que faz mal ao outro, acabamos ficando mal também. Assim, eu fico feliz em não me encaixar mesmo, você também devia ficar!

  • Você é útil ~ mesmo não sendo bom em algumas coisas

Não sei quem inventou e difundiu a ideia de que devemos ser bons em tudo, e pior, ser bom naquilo que os outros querem que sejamos. A vida é nossa, o corpo é nosso, é nossa energia que está sendo gasta, então porque outra pessoa decide isso? São somos robôs com programações que devemos apenas executar. Somos feitos de carne e osso, com pensamentos, sentimentos, diferentes jeitos de olhar o mundo... Essa é a graça. Tem muita coisa a ser descoberta e você não é descartável por não ser bom em algumas delas. Ninguém é bom em tudo.

  • Toda vida merece ser amada

Existe uma categorização do que deve receber amor e o que deve ser visto como alimento. Essa foi a parte que mais me tocou no filme, porque eu sempre achei isso engraçado ~ de um jeito horrível. Criamos cães e gatos mas matamos os bois e as cabras. Se você mora em interior, como eu, você vê esses bichinhos constantemente pelas esquinas e a ideia de que alguns deles iriam morrer e outros não sempre me entristeceu. Esse filme veio para me dizer que a transição para o veganismo foi a melhor coisa que eu poderia ter decidido fazer.
x
Se você ainda não viu o filme, espero que essa pequena lista de coisas lindas tenha te dado uma pontinha de vontade para ver como tudo isso se apresenta para nós. Eu amo animações por causa disso, porque elas sempre trazem uma mensagem (ou várias), até quando é divertida e fofa como O Touro Ferdinando.

*imagens: Cia dos Gifs

16 comentários:

  1. Querendo ou não, as animações carregam diversas mensagens! Eu não assisti esse filme, mas pelo que disse em seu post, deve ser fenomenal! Parabéns <3

    http://www.oigorismo.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sim, amo animações por causa disso, sempre deixam a sua marquinha...
      Obrigada pelo carinho <3

      Excluir
  2. Animações são tão gostosas de assistir, e mesmo sendo bobo nos traz esses pequenos ensinamentos <3

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem? Acabei de conhecer o seu blog e gostei da maneira como se expressa. Vou ser sincera, quando vi o trailer desse filme não me interessei, mas esse post conseguiu mudar minha opinião. Acho os pontos citados bastante importantes e por isso quero dar uma chance a essa animação.

    Tchauzinho e até logo

    Meio Assimétrica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um amorzinho, não vai se arrepender!
      Muito obrigada pelo comentário e pelo carinho <3

      Excluir
  4. Olá. Primeira vez aqui no blog. Achei muito lindo o que você escreveu. Acho que concordo com o que você falou. A gente não consegue ser 100% perfeito, e temos falhas. Eu já vi o trailer e não me interessei muito. Eu ainda não vi esse filme, mas agora depois de ler seu post me deu vontade de ver, parece ser um filme bonito e interessante. Sim, nós temos que viver o que nos faz bem, mesmo que as pessoas pensem ou queiram que a gente seja outra coisa. Achei bem reflexiva suas palavras e bem verdadeiras. As vezes eu sinto que não me encaixo em certas coisas, mas vendo pelo modo que você falou não dá para agradar todo mundo e o que importa é sermos nós mesmos. Lindo post! Beijos!
    Snack Cheese Viva o leite ~🍪v i s i t e - n o s🍪

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Iza, seja muito bem vinda. Fico muito feliz que tenha gostado daqui e do post, fico muitíssimo feliz por isso de verdade :3
      Se assistir o filme vem me contar o que achou, vou adorar saber. E, sim, viver para agradar os outros é tão triste quanto não viver. Um beijo <3

      Excluir
  5. Oi, Bruna! Eu vi O Touro Ferdinando sábado e também fiquei assim. Meus olhos ficaram cheios de lágrimas o filme todo, e realmente, ele passa exatamente esses ensinamentos que você citou. Eu ainda não me tornei vegetariana, mas é algo que tenho como meta a longo prazo e o filme me fez pensar bastante a respeito.

    Beijo!
    www.controversos.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai que bom que gostou, Carolinee
      Espero que consiga realizar essa meta respeitando seu tempo, para mim foi super fácil mas cada um no seu tempo <3

      Excluir
  6. Ahh que amor! Eu amei muito o post e fiquei super curiosa pra assistir o filme.

    Um beijo,
    Sté.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado, Sté, volte mais vezes <3

      Excluir
  7. Eu ainda não consegui assistir a esta animação e não vejo a hora de me jogar. Já sei que vou me emocionar, mas como seu post mostrou, tbm vou aprender muito co ele *_*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dá para aprender muito sim, espero que goste muito <3

      Excluir
  8. por isso que animação é fodaaaa ♥
    tô muito muito muito a fim de ver esse touro!

    e to muito feliz pela transição no veganismo, miga s2

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é siiiimm... veja logo, só falta você ver esse bendito touro ahahahah
      obrigada >< você me inspirou muito <3

      Excluir

Oi, obrigada por vir e volte mais vezes ♥

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial